By Knirsch - Produtos, Projetos e Consultorias
  Uma Entrevista com Jorge Knirsch

Veja o teste:
 do
 
powerline Audiófilo lf-115
 
http://youtu.be/QDZqmV4LgME

 
  Veja os comentários de Fernando Sampaio (RJ) a respeito de fiação sólida e aterramento do neutro.
Carta de Clientes

 
 
 
Veja os produtos à venda em:

Usados

 
 
     
 

 
     
 


Clique aqui para conhecer nosso informativo eletrônico e inscrever-se para recebê-lo em seu e-mail.

 
     
  Novos Cabos de Energia By Knirsch para instalações elétricas em áudio/vídeo
 Power Cable AC-25, 40
,60 e 100
 
     
  Antes de construir, otimizamos as medidas da sua sala de audição,
 Home Theater
, e afins.
 


Número 341

Ouvidos Absolutos. O Que é isto?

 

Psicoacústica

 

Flavio Adami
flavioadema@uol.com.br

          Às vezes as pessoas me perguntam o que significa ouvido absoluto. Vou procurar explicar de uma forma bastante clara.

             © 2008-2018 Jorge Bruno Fritz Knirsch
           Todos os direitos reservados
           http://www.byknirsch.com.br

          Quando era jovem, eu tinha ouvido absoluto e nem sabia disso. Quando digo que tinha é porque, atualmente, na minha idade, já perdi bastante desta capacidade. Nos bons tempos, eu pegava um violão completamente desafinado e notava que, depois de afinado, a nota lá (440Hz) ficava exatamente igual ao lá do piano.
          Ouvido absoluto é a capacidade, que uma pessoa tem, de formar uma imagem auditiva interna de qualquer tom musical, marcado por um símbolo apropriado, através de uma nota ou letra (o sistema europeu usa letras para nomear as notas), de modo que se possa naturalmente identificar qualquer tom acusticamente apresentado.
          Ouvido absoluto passivo (ou relativo) é aquele em que a pessoa ouve um tom musical e, em seguida, é capaz de reproduzi-lo. No idioma inglês, tal capacidade traduz-se como perfect pitch.
          Ouvido absoluto ativo já é mais raro. É quando a pessoa consegue cantar qualquer tom de memória, ou seja, ela ouve um tom e, mais tarde, ainda consegue reproduzi-lo. Quem tem esse tipo de ouvido reconhece tons, de forma fácil e imediata, sem qualquer esforço, sem truques ou referência sonora. Esta pessoa tem a capacidade de cantar qualquer nota solicitada, sem precisar ter, no momento, o som da nota como referência. O número de possuidores de ouvido absoluto ativo, nos Estados Unidos, é de 1/10.000. Nem todas as pessoas, com ouvido absoluto ativo, são músicos. Contudo, a preparação musical é necessária para o completo desenvolvimento do potencial auditivo de uma pessoa com ouvido absoluto.
          Existem também pessoas com ouvido absoluto muito fino, que não só são capazes de reconhecer uma nota pelo seu nome, como saber quando esta nota está ligeiramente mais aguda ou mais baixa em relação ao padrão de afinação comum (440 Hertz). Esta habilidade é extremamente rara.
          Ao longo do tempo, muitos artistas entre cantores, pianistas, condutores, maestros, guitarristas, violinistas, etc, têm sido reconhecidos por tal habilidade. Alguns deles, por isso, são considerados gênios da música.
          Como exemplo, na música pop, temos Michael Jackson, reconhecido com essa capacidade. E a cantora Celine Dion também tem um dom natural excelente. A afinadíssima Karen Carpenter também possuía essa qualidade vocal absoluta, como também Nat King Cole e Ella Fitzgerald.
          Na música clássica, temos: Heitor Villa Lobos, Leonard Berstein, Pablo Casals, Mozart, Chopin, Claudio Arrau e outros. Alguns firmam que Chopin era capaz de distinguir um lá 441Hz de um lá 440Hz.
          Aqueles que quiserem treinar um pouco o ouvido, para saber se possuem essa capacidade, basta pegar uma nota lá, no piano ou violão, ouvir e, depois de um tempo, tentar reproduzir aquilo que foi registrado no cérebro, através da memória. Se o mesmo tom bater, você tem um bom ouvido.              
          Ótimas audições a todos! Aquele abraço!


 

 
  By Knirsch-Produtos Projetos e Instalações
© 2008-2018 Jorge Bruno Fritz Knirsch
Todos os direitos reservados
https://www.byknirsch.com.br