By Knirsch - Produtos, Projetos e Consultorias
  Uma Entrevista com Jorge Knirsch

Veja o teste:
 do
 
powerline Audiófilo lf-115
 
http://youtu.be/QDZqmV4LgME

 
  Veja os comentários de Fernando Sampaio (RJ) a respeito de fiação sólida e aterramento do neutro.
Carta de Clientes

 
 
 
Veja os produtos à venda em:

Usados

 
 
     
 

 
     
 


Clique aqui para conhecer nosso informativo eletrônico e inscrever-se para recebê-lo em seu e-mail.

 
     
  Novos Cabos de Energia By Knirsch para instalações elétricas em áudio/vídeo
 Power Cable AC-25, 40
,60 e 100
 
     
  Antes de construir, otimizamos as medidas da sua sala de audição,
 Home Theater
, e afins.
 


Número 353

 

Triste Fim
 

Música

Flavio Adami
flavioadema@uol.com.br

          Sempre tive uma paixão muito grande pelo piano, como também pelos pianistas da era de ouro da bossa nova. Naquela época, reinavam grupos instrumentais que continham músicos de imensa grandeza. Os mais significativos e importantes foram: o inesquecível Sambalanço Trio, liderado por Cesar Camargo Mariano, o Zimbo Trio, liderado por Hamilton Godoy, e o Tamba Trio, tendo como líder Luis Eça.

             © 2008-2018 Jorge Bruno Fritz Knirsch bos
           Todos os direitos reservados
           http://www.byknirsch.com.br

          Na minha opinião, o Tamba Trio foi o mais completo dos três, pelo fato de Luis Eça ter iniciado seus estudos com música clássica. Estudou piano em Viena, com Friedrich Gulda e também com Martha Argerich. Contudo, sua paixão pela bossa nova foi maior e acabou criando seu próprio estilo.
          No entanto, a razão desse texto é homenagear um pianista de curta carreira, porém excelente, chamado Tenório Junior, que foi considerado um dos músicos mais importantes da bossa nova. Talvez alguns de vocês nem se recordem.
          Gravou apenas um disco, chamado Embalo, em 1964, onde, além de pianista, atuou como arranjador. Neste disco, participaram músicos de renome, como Edson Maciel e Raul de Souza, nos trombones, Paulo Moura, no sax alto, Hector Costita, no sax tenor, e Milton Banana na bateria. Quando o disco foi gravado, Tenório Junior tinha 21 anos. Depois, atuou também com artistas como Lô Borges, Milton Nascimento, Joyce, Edu Lobo entre outros. Tenório costumava se apresentar no Beco das Garrafas, no Rio de Janeiro. Seu piano pode ser ouvido em discos antológicos, da década de sessenta, como: É Samba Novo, com o baterista Edson Machado, e Vagamente, de Wanda Sá, ambos relançados em cd em 2001.
             Em 1976, viajou para Buenos Aires, acompanhando Vinicius e Toquinho em turnê de shows. Após uma apresentação no teatro Gran Rex, retirou-se para o Hotel Normandie. Durante a madrugada, deixou um bilhete na porta com os dizeres. "Vou sair para comer um sanduíche e comprar um remédio, volto logo". Mas, nesta noite, poucos dias antes do golpe militar, foi levado preso pela rede clandestina da repressão oficial argentina. Durante nove dias foi torturado e, após ter ficado claro o seu não envolvimento com atividades políticas, recebeu um tiro na cabeça. Deixou sua mulher grávida e quatro filhos. Morreu com apenas 34 anos de idade.
            Esse LP, Embalo, é considerado raro e o seu preço pode chegar a R$ 1.200,00! No entanto, em cd, pode ser encontrado em valores bem mais em conta, na faixa de R$ 37,00.
                  
          Ótimas audições a todos! Aquele abraço!


 

 
  By Knirsch-Produtos Projetos e Instalações
© 2008-2018 Jorge Bruno Fritz Knirsch
Todos os direitos reservados
https://www.byknirsch.com.br