By Knirsch - Produtos, Projetos e Consultorias
  Uma Entrevista com Jorge Knirsch

Veja o teste:
 do
 
powerline Audiófilo lf-115
 
http://youtu.be/QDZqmV4LgME

 
  Veja os comentários de Fernando Sampaio (RJ) a respeito de fiação sólida e aterramento do neutro.
Carta de Clientes

 
 
 
Veja os produtos à venda em:

Usados

 
 
     
 

 
     
 


Clique aqui para conhecer nosso informativo eletrônico e inscrever-se para recebê-lo em seu e-mail.

 
     
  Novos Cabos de Energia By Knirsch para instalações elétricas em áudio/vídeo
 Power Cable AC-25, 40
,60 e 100
 
     
  Antes de construir, otimizamos as medidas da sua sala de audição,
 Home Theater
, e afins.
 


Número 270

 

Uma Viagem no Tempo
2a. Parte

 

Equipamentos e Cabos

Flavio Adami
flavioadema@uol.com.br

            

             Dando seqüência à série "Uma Viagem no Tempo", vamos continuar falando a respeito dos gênios que deram início a esse fantástico mundo do áudio.

             © 2006-2016 Jorge Bruno Fritz Knirsch
           Todos os direitos reservados
           http://www.byknirsch.com.brs

                 Em 1931, a Bell Labs desenvolveu o primeiro sistema acústico de duas vias, chamado Divided Range, onde, pela primeira vez, foi utilizado um crossover: uma pequena corneta reproduzia de 3 a 13 KHz, e as baixas freqüências eram reproduzidas através de um woofer de 12" que respondia a partir dos 50 Hz. E, em 1933, surgiu o primeiro sistema de 3 vias desenvolvido pela própria Bell Labs.
Image              No mesmo ano de 1933, foi feita, pela primeira vez, uma demonstração de um novo sistema de áudio, chamado Estereofônico. Foi assim denominado devido à sua capacidade de criar uma sensação de espacialidade, que simulava uma reprodução estéreo que viria no futuro. A demonstração foi um enorme sucesso!
              Em 1934, Paul Voigt introduziu o primeiro sistema que utilizava cornetas, desenvolvido para uso doméstico, com alta sensibilidade, dentro de um sistema relativamente compacto, com capacidade de reproduzir música com grande pressão sonora.
               Em 1935, Douglas Shearer e John Hilliard desenvolveram um sistema de caixas específicas para teatro. Era um sistema de duas vias, com um driver para altas freqüências, com diafragama de 3", de alumínio. E a caixa de graves, que havia sido desenvolvida anteriormente por James B. Lansing, continha quatro woofers cada um de 15". Esse sistema foi instalado, pela primeira vez, em 12 teatros.
             Em 1936, surgiu a S.P.Fidelity Sound Systems, mais tarde desmembrada em duas empresas: a Acoustical Manufacturing Co. Ltd. e a Quad Electroacoustics, esta última fundada por Peter Walker, em Londres, Inglaterra. E, em 1938, a Altec Lansing foi fundada, quando da compra da empresa chamada James B. Lansing Manufacturing Company.
             Em 1940, Paul W. KLipsch desenvolveu a patente para um sistema de cornetas específicas para canto de paredes. Em 1947, construiu e vendeu as primeiras 12 caixas, trazendo um sucesso de vendas para a empresa nos anos seguintes.
             Em 1943, a Altec Lansing introduziu o alto falante modelo 604, que viria a ser o famoso coaxial duplex driver, com uma corneta de agudos no centro de um woofer de 15", oferecendo uma perfeita coerência sonora, necessária para os teatros, com grande fidelidade e potência. E, em 1945, surgiu a fantástica duas vias Voice of Theater.
             Em 1949, Peter Walker (Quad) introduziu um sistema Ribbon, de canto de parede, com uma corneta para médios e agudos, acoplada a um woofer de cone, num sistema de grande fidelidade para a época.
             No próximo artigo, vamos entrar nos sistemas mais modernos e também nas marcas que fizeram a historia do áudio high end.

             Ótimas audições e aquele abraço!

Bandejas Antirressonantes Bandstand 

  

 
  By Knirsch-Produtos Projetos e Instalações
© 2008-2018 Jorge Bruno Fritz Knirsch
Todos os direitos reservados
https://www.byknirsch.com.br